SERVIÇOS AO ALUNO

 

Comissão de Graduação
Tem por finalidade o estudo, não só da estrutura curricular dos cursos de graduação, mas de todos os assuntos acadêmicos que visam oferecer subsídios para que o ensino na FOB prepare eficientemente o aluno no exercício de sua profissão.

 

 

Bolsas de Estudos e Programas

 

Bolsa-Alimentação
A Bolsa alimentação é de responsabilidade da PCAB, após avaliação sócio-econômica. Mediante o acompanhamento do Servi;co Social e a oportunidade de seleção de outras bolsas, a bolsa alimentação é fornecida por tempo determinado em situações de extrema necessidade.

 

Bolsa-Estudo "Eduardo Panadés"
Dependendo de disponibilidade orçamentária, a COSEAS distribui a Bolsa de Estudo "Eduardo Panadés", não vinculada a reembolso e destinada a estudantes da Universidade de São Paulo com escassez de recursos. Os candidatos inscritos são submetidos a prévia seleção por parte de uma Comissão Especial designada pelo Diretor da FOB. A relação de selecionados de cada Unidade é encaminhada à COSEAS, que efetua nova seleção, de acordo com o número de bolsas existentes. Referida bolsa tem vigência de dois semestres letivos, no valor total de dez salários mínimos, podendo ser renovada anualmente, até o final do curso, desde que o aluno, regularmente matriculado e freqüentando as aulas, haja obtido média igual ou superior a seis em um conjunto de, no mínimo, três disciplinas, cursadas no semestre anterior à época do pedido de renovação.

 

Bolsa-Trabalho
Oferece o valor equivalente a um salário mínimo/mês. A seleção é feita por meio de critérios sócio-econômico e acadêmico. Há também uma avaliação das habilidades e aptidões do candidato para o desenvolvimento do projeto de trabalho para o qual foi selecionado. A natureza do projeto determinará o número de horas/trabalho que o aluno deverá dedicar a essa atividade, devendo cumprir 40h/mês.

 

Bolsa de Iniciação Científica (PIBIC)
Os alunos que apresentarem bom aproveitamento escolar e pendores para a pesquisa poderão ser convidados pelos Departamentos da FOB a participar de programas de investigação científica, por meio de bolsas de iniciação, oferecidas pelas seguintes agências governamentais:, CNPq, CAPES(PET) e FAPESP.


Bolsa-Moradia
Os alunos da FOB contam com dois blocos de alojamentos, num total de 24 quartos, abrigando 72 estudantes. A seleção de candidatos a vagas junto à residência estudantil é feita pela Comissão Administrativa do Conjunto Residencial estudantil (CACRE) do Campus USP de Bauru. Entre os critérios avaliatórios considera-se a situação sócio-econômica dos alunos, de modo a favorecer os mais carentes.


Bolsa de Iniciação Científica e/ou Tecnológica – FAPESP

Natureza e Objetivos

Destina-se a alunos de graduação em instituições de ensino superior localizadas no Estado, para desenvolvimento de pesquisa científica (IC) ou tecnológica (IT) sob a direção de um orientador com título de doutor ou qualificação equivalente, avaliada por sua súmula curricular. O aluno já deve ter concluído um número suficiente de disciplinas relevantes para o desenvolvimento do projeto de pesquisa.

Um bom desempenho acadêmico do candidato, evidenciado pelo histórico escolar, é condição essencial para concessão da bolsa.

A responsabilidade pelo projeto de pesquisa cabe ao orientador, mas o candidato deve estar preparado para discutí-lo e analisar os seus resultados.

A bolsa deve ser proposta pelo orientador somente depois que estiver convicto de que o aluno tem interesse pelo projeto de pesquisa e tempo disponível para executá-lo, sem prejuízo para suas atividades escolares.


Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) - CNPq

Iniciação Científica (IC): 
Objetivos: propiciar à instituição um instrumento de formulação de política de pesquisa, para a iniciação científica na graduação; estimular uma maior articulação entre a graduação e a pós-graduação; estimular o pesquisador/orientador a formar equipes; estimular o envolvimento de novos pesquisadores na atividade de formação, e introduzir o aluno de graduação no mundo da pesquisa científica. Duração da Quota: 12 meses.


Programa Especial de Treinamento (PET):

Constitui-se em um grupo tutorial de aprendizagem, buscando propiciar aos alunos da Instituição condições para realização de atividades extra-curriculares que favoreçam a formação de profissionais de nível superior dotados de elevados padrões científicos, técnicos, humanísticos e éticos. O atual tutor do PET na FOB é o Prof. Dr. Eduardo Batista Franco, Professor Associado do Departamento de Dentística, Endodontia e Materiais Dentários.


Programa de Aperfeiçoamento ao Ensino (PAE):

Este programa foi regulamentado pela Portaria GR-2.932, de 09.02.1995, e é coordenado por uma Comissão constituída pelo Vice-Reitor, seu presidente, pelos Pró-Reitores de Graduação, Pós-Graduação e Pesquisa e por um representante do corpo discente, escolhido entre os representantes discentes da Pós-Graduação eleitos para os Vonselhos Centrais e Universitário. Sua principal finalidade é acompanhar o programa semestralmente, a partir dos relatórios de avaliação encaminhados pelas Unidades. Na Unidade, o programa é coordenado pelo CTA e executado por uma Comissão Coordenadora composta por membros das Comissões de Pós-Graduação e Graduação e por um representante discente da Pós-Graduação. O PAE foi criado exclusivamente para alunos de Pós-Graduação regularmente matriculados em programa de Mestrado ou Doutorado e que não tenham vínculo empregatício com a Universidade. A composição atual da Comissão Coordenadora é a seguinte:
Prof. Dr. José Fernando Castanha Henriques (Presidente)
Prof. Dr. Arnaldo Pinzan
Prof. Dr. Ivaldo Gomes de Moraes
Prof. Dr. Luiz Fernando Pegoraro
C.D. Tarcília Aparecida Silva



Serviço de Biblioteca e Documentação  

Serviço fundamental para a realização das atividades didáticas e de pesquisa, possui um acervo aproximado de 78.404 volumes com o que há de mais importante no campo da Odontologia, Fonoaudiologia e Ciências Básicas, constituído de livros, periódicos, teses, folhetos, obras de referência, separatas e multimeios.

Instalada em 1962, tem seu histórico ligado ao da FOB, sendo uma biblioteca universitária de livre acesso às estantes, especialmente dedicada aos docentes e alunos da Escola.

A partir de 1987, passou a contar com uma Seção de Referência Especializada em Malformações Congênitas Crânio-Faciais, que funciona junto à Unidade de Ensino e Pesquisa do H.R.A.C. (Hospital de Reabilitação de Anomalias Crânio-Faciais).

Como serviços especiais aos seus usuários, oferece tradicionalmente o Programa de Comutação Bibliográfica - COMUT, do qual é considerada Biblioteca-base e procura garantir o acesso ao material bibliográfico existente em outras instituições, utilizando também o Serviço de Intercâmbio entre Bibliotecas.

Centro Cooperante da Rede Brasileira de Informação em Ciências da Saúde (1989), Núcleo Básico da Sub-Rede de Informação na área de Ciências da Saúde Oral da Rede Brasileira de Informação em Ciências da Saúde (1994) e Posto de Serviço da Rede ANTARES (1995), utiliza as novas tecnologias para o acesso às informações científicas nacionais e internacionais. Para tanto, utiliza bases de dados on-line e em CD-ROM, bem como a Rede INTERNET. Possibilita assistência aos usuários no tocante à normalização de documentação científica e promove cursos de orientação bibliográfica. Através do seu Serviço de Apoio à Pesquisa, propicia assistência e orientação sobre bolsas e/ou auxílios, além de informações sobre pesquisas em andamento e produção científica da FOB-USP. Como suporte e infra-estrutura ao ensino e pesquisa, dispõe, ainda, de ambientes especiais, como as Salas de Apoio Interativo e de Multiusuários, onde são disponibilizados equipamentos e programas multimídia.

Horário de funcionamento: de 2ª a 6ª feiras das 8 às 23h aos sábados das 8 às 12h.


Informática - Programa Pró-Aluno   
O Pró-Aluno é um programa da Pró-Reitoria de Graduação da USP, gerenciado tecnicamente pelo Centro de Computação Eletrônica (CCE). Visa disponibilizar laboratórios de informática aos alunos de graduação.

Na FOB, a Sala Pró-Aluno está localizada no pavimento superior da Biblioteca.

Hardware Disponível:
16 computadores com monitor LCD
1 computador servidor para gerenciamento de acesso
1 impressora Laser

Software:
Ms Windows 7 Professional
Ms Office 2010
Minitab 11 for Windows

Horário de Funcionamento: de acordo com o horário da Biblioteca da FOB

Encarregado local: MarceloMomesso - marcelom@fob.usp.br

Professor Responsável: Prof. Dr. José Roberto Pereira Lauris - jrlauris@fob.usp.br


Lazer          
Na área do lazer o estudante conta com estádio com pista de atletismo e ginásio poliesportivo coberto. No conjunto residencial funciona o setor de vivência dos alunos durante os períodos letivos.
Os Centros Acadêmicos "XVII de Maio" e "IX de Dezembro", promovem várias atividades visando a integração do corpo discente da graduação em Odontologia e Fonoaudiologia respectivamente.
Dentre as atividades mantidas pela Assessoria Cultural do Campus, Bauru possui ainda o Grupo Vocal "Viva Voz", o Grupo da Companhia Teatral Gueledê e as oficinas de artes plásticas.  
A Assessoria Cultural também é responsável pela realização de shows, exposições e semanas culturais, entre outros eventos.
O Centro de Convivência, contendo TV, sofás, jogos, etc., é um espaço destinado ao lazer e à integração entre alunos e funcionários docentes e não-docentes.         


Além da infra-estrutura básica para seu funcionamento adequado em termos de ensino, pesquisa e extensão de serviços à comunidade, a Escola oferece, situados nas dependências do Campus:

- restaurante universitário e lanchonete;      
- postos dos bancos Santander e Banco do Brasil;
- livraria da Editora da USP, comercializando livros especializados em diversas áreas;
- serviço de correio;
- berçário e maternal para crianças na faixa etária de 0 a 3 anos.